quarta-feira, 6 de abril de 2011

Crimes contra Portugal: encerramento da SOREFAME






2 Comentários:

Às 6 de abril de 2011 às 23:21 , Blogger Margarida disse...

Tive um colega que foi lá funcionário administrativo e que sofria com o que veio a suceder.
Soube que faleceu há poucos meses.
Tudo fenece.
Tudo...

 
Às 7 de abril de 2011 às 11:31 , Blogger Nuno Carvalho disse...

Pelo que me contaram, quando a SOREFAME (fabrico e concepção, entre outros, de: veículos militares, estruturas metálicas gigantes, automotoras diesel, automotoras eléctricas, vagões, etc.) foi vendida a uma empresa estrangeira, uma das primeiras medidas – dos novos proprietários - foi extinguir o excepcional gabinete de projecto de engenharia, na altura, um dos mais completos e avançados de Portugal. A perda de “know-how”, resultado do encerramento da empresa, é incomensurável. Se um dia Portugal quiser voltar a conceber/ fabricar estes produtos, irá ser necessário um investimento brutal, ao longo de muitos anos.

 

Enviar um comentário

<< Página inicial